Blog

Um de nossos princípios é a comunicação transparente, dividindo os relatórios anuais e reforçando a conexão e o bom relacionamento com nossos participantes.

NOTA RELEVANTE AOS PARTICIPANTES DA FAPA

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Prezados Participantes,

O IDR–Paraná, patrocinador da FAPA, em consonância com a política de transparência e em cumprimento a legislação pertinente vem, através desta nota, COMUNICAR a todos participantes, ativos, em benefício, pensionistas, ao público e empresas que se relacionam comercialmente com nossa Fundação que conforme comunicado em NOTA relevante anterior, abriu processo de seleção de gestor que assumisse o gerenciamento do Plano de Benefícios Misto FAPA.

Embora muitas entidades de outros estados se apresentassem para participar do processo de seleção, o órgão superior e supervisor, que é a SEAB – Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento, junto com o IDR-PARANÁ, decidiram que em ocorrendo a transferência deveria ser para uma entidade de previdência do Estado do Paraná.

Esta decisão teve a concordância dos órgãos superiores da FAPA, Conselho Deliberativo e Conselho Fiscal, que analisaram a conveniência deste estudo e se manifestaram ao IDR-Paraná como favoráveis.

Participaram duas entidades de reconhecida capacidade técnica, de governança e de gestão de investimentos: Fundação Copel e Fundação Sanepar – FUSAN.

O processo se iniciou em julho do ano de 2021, primeiramente com a FUSAN e, posteriormente, com a FUNDAÇÃO COPEL. As proponentes responderam a mais de 100 (cem) quesitos de forma escrita, durante o processo de seleção, cujas respostas, dados e informações foram avaliadas pelo IDR-PARANÁ e pela SEAB, além do Conselho Deliberativo.

A proposta final de gestão foi apresentada de forma presencial pelas Diretorias e técnicos das entidades proponentes.

Cabe o registro de que ambas foram extremamente profissionais, técnicas, transparentes e éticas. Após várias reuniões realizadas entre os avaliadores das propostas chegou-se ao seguinte:

a) Considerando que as duas entidades têm estrutura de atendimento no interior do Estado do Paraná e que atenderão o participante da FAPA;

b) Considerando que as duas entidades têm quadro técnico qualificado de gestão, tanto de investimentos, quanto de atendimento ao participante, de sistemas rigorosos de controles, de atendimento as exigências legais e operacionais;

c) Considerando que as duas entidades têm um ótimo nível de governança;

d) Considerando que as duas entidades têm o patrocínio de empresas estatais do Governo do Paraná;

e) Considerando que as duas proponentes são maiores que a FAPA, sendo a Fundação Copel 24 vezes maior e a Fusan 3 vezes maior;

f) Considerando que as duas entidades são qualificadas para fazer a gestão do Plano Misto de Benefícios a ser transferido, decidiu-se que deve ocorrer a transferência, por essas qualidades e pela redução expressiva do custeio de manutenção da FAPA enquanto entidade gestora do Plano, fundamentado ainda que o custo de gestão da FAPA caso não haja a transferência tende a aumentar nos próximos anos;

g) Considerando que com o advento do PDV deste ano, o número de participantes ativos da FAPA reduzirá para aproximadamente 350 e os participantes assistidos será de aproximadamente 700;

h) Considerando que uma das entidades – que havia feito a melhor proposta – solicitou um prazo de 180 dias para retomar o processo, ou seja, para o segundo semestre de 2022;

i) Considerando que ao se analisar os riscos possíveis que ocorreriam ao se retardar o processo de transferência, em função de mudanças de pessoas nos cargos que ocupam nos órgãos envolvidos e nas entidades envolvidas, podendo com isso ser postergada a decisão para o segundo semestre de 2023;

j) Considerando que uma das entidades se propôs a iniciar o processo já no início de 2022, estimando a conclusão até maio ou junho deste ano;

k) Considerando que financeiramente as propostas ficaram próximas em valores absolutos, havendo uma diferença anual de R$ 135.000,00 entre uma e outra;

l) Considerando que a proposta da entidade que se propõe a iniciar o processo imediatamente, propiciará uma economia de aproximadamente R$ 1.600.000,00 anuais no custo de manutenção da FAPA;

m) Considerando que o custeio da FAPA para o ano de 2022 está orçado em 0,51% sobre o patrimônio da FAPA, e a proposta reduz o custeio para 0,25% sobre o Patrimônio;
n) Considerando que o custeio para o participante reduzirá dos atuais 13,0% sobre as contribuições para aproximadamente 6%;

o) Considerando que a FAPA hoje se encontra em situação adequada ao seu porte, sem problemas de gestão, com custo equilibrado e dentro dos limites determinados pela legislação, sendo atrativa para muitas fundações multipatrocinadas, mas que num futuro pouco distante pode deixar de ser interessante para que outras gestoras assumam sua gestão;

Concluímos que todas as análises realizadas indicaram que este momento é o mais adequado para proceder essa transferência, em benefício dos participantes do Plano Misto FAPA.

O Plano Família denominado Plano Gera também terá a gestão da Fundação selecionada para fazer o gerenciamento do Plano Misto FAPA.

Com base em todo o processo realizado e avaliado nestes 06 (seis) meses, o órgão superior e supervisor, que é a SEAB – Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento, junto com o patrocinador do Plano de Benefícios Misto Fapa, IDR-PARANÁ, DECIDIRAM que a entidade de Previdência selecionada para receber a transferência do gerenciamento do Plano Misto de Benefícios da FAPA é a FUSAN – Fundação Sanepar de Previdência e Assistência Social – página na internet – https://www.fundacaosanepar.com.br/

Com relação ao atendimento ao participante do Plano Misto FAPA, esclarecemos que a FUSAN tem estrutura de atendimento ao participante em 17 cidades do Estado do Paraná, estrutura essa que após a transferência, atenderá o participante da FAPA também, além de atendimento na sede do IDR-PARANÁ em Curitiba.

Afirmamos que todo zelo necessário será tomado na defesa dos interesses do principal interessado no Plano Misto de Benefícios e do Plano Gera, que é o participante, além do que já está estabelecido na legislação que regula a transferência de gerenciamento de planos.

Esclarecimentos sobre o andamento do processo podem ser obtidos através dos canais de comunicação utilizados pela FAPA e por telefonema aos Diretores da Fundação ou do IDR-PARANÁ.

Participante, acompanhe as próximas notas de esclarecimentos.

Gostou? Conta pra gente o que achou!

Notícias relacionadas

Candidatos aos Conselhos da Fapa já podem se inscrever para Processo Eleitoral

Começa hoje (06) o prazo para os participantes e assistidos interessados em se candidatarem nas eleições para os Conselhos Deliberativo e Fiscal da Fapa.

Veja mais
comunicado site

Comunicado Aportes e Expediente de Final de Ano

Se você ainda não realizou aportes extraordinários no seu plano Fapa e deseja fazê-los, o prazo para realizá-los é o último dia útil do ano para o setor bancário, dia 28 de dezembro, entretanto, para garantir que os valores sejam efetivados ainda neste ano, não deixe para a última hora, assim poderá aproveitar o incentivo fiscal na declaração de Imposto de Renda Exercício em 2022.

Veja mais

O que você está procurando?